Neste blog muita informação sobre a história da Bossa Nova.
Acesso direto às publicaçòes no Rádio Forma & Elenco sobre:

Wilson Simonal,- Maysa (info e videos), - António Carlos Jobim,- Tuca , -

Zecalouro, - Elis Regina , Dick Farney ,

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Convite Para Ouvir Maysa

.
Maysa - Resposta

.
Maysa Matarazzo com Orquestra RGE Conduzida por Rafael Puglielli

Resposta
do album Convite Para Ouvir Maysa (1956)
está no
Radio F&E do Martoni >>>


Na contra-capa do disco conta como nasceu a idéia para este LP Convite Para Ouvir Maysa (nr. 1, depois foram lançados ainda os nrs. 2, 3 e 4), leiam aqui uma parte do texto da contra-capa.


Vamos contar aqui, a história dêste disco, que nasceu pura e casualmente, podendo parecer até fruto da imaginação de algum novelista.
Por ocasião do aniversário da Boite Oasis em 1956, coincidindo com a viagem de férias dêsse grande artista brasileiro, ZÉ CARIOCA, dos desenhos do Walt Disney, fomos convidados por Vicente Colaferri a participar da comemoração que reunía todos os amigos do simpático Night Club de São Paulo. 0 Zézinho que não vinha ao Brasil desde sua partida para os EE.UU. em 1938, entre os amigos presentes que naquela festa reencontrou depois de tantos anos, estava a figura toda “coração” de Alcebiades Monjardin. Como acontece em ocasiões semelhantes, a conversa girou todo o tempo entre lágrimas e sorrisos, em torno de uma deliciosa reminiscencia de tempos ídos.
Zézinho, que conhecia profundamente a sensibilidade artistica do Monja, não teve duvidas ao término da festa, em aceitar um convite para uma visita a sua casa, onde fazia questão que acompanhasse e ouvisse sua filhinha cantar. A menininha que esperávamos encontrar se apresentou ante nossos olhos surpresos, prestes a ser mamãe, e era senhora Maysa Monjardin Matarazzo.
Passada a surpresa inicial, Maysa começou a cantar em inglês os maiores sucessos da música popular norte-americana. Confésso, que ficamos admirados diante de tanto taJento artístico e interpretativo. Nossa emoção cresceu ainda mais, quando dona Iná Monjardin, sua mamàe e fâ mais ardorosa pediu a Maysa que cantasse algumas de suas composições. Chegamos em alguns momentos, ao ouví-la, a duvidar que pudesse existir alguem que houvesse absorvido com tanta singeleza e sinceridade, os ensinamentos do cancioneiro romântico do Brasil, deixados por tantos compositores de fama, dentre eles o grande Noel, do qual Maysa apesar de não o ter conhecido, guarda em verdadeiro relicario, isto é, na mente e no coração todas as suas mais inspiradas páginas musicais. Mas, acontece que êsse alguem existia e se chamava Maysa. Depois de formada nossa idéia a respeito, restava saber como receberia o convite para registrarmos em um Long-Playing todas as suas qualidades de cantora não profissional. Com a nervosa e profunda personalidade que a caracteriza, ela concordou desde que a condição essencial fosse à de reverter parte da venda do disco, em benefício da magnifica obra de D. Carmen Anes Dias Prudente, no Hospital Central do Cancer. Consultado o diretor da RGE, José Scatena, ele não pôde deixar de externar seu maior entusiasmo pela iniciativa, não sômente pelas inegáveis qualidades artisticas de Maysa, mas também pela oportunidade de contribuir de alguma fórma para tão benemérita campanha levada a efeito durante tantos anos para a manutenção de um Hospital que é orgulho dos paulistas e credor da admiração do mundo inteiro. Estando assim, perfeitamente enquadrado dentro do espirito que nos propuzemos desde a primeira experiência com o PANORAMA MUSICAL, RLP 001, ou seja, de apresentar tanto quanto possivel gravações em alta fidelidade técnica e artísticamente dedicadas ao bom gosto do discófilo brasileiro, este disco traz assim, o nosso mais sincero CONVITE PARA OUVIR MAYSA.




Resposta

Ninguém pode calar dentro em mim
Essa chama que não vai passar
É mais forte que eu
E não quero dela me afastar
Eu não posso explicar como foi
Nem como ela veio
E só digo o que penso
Só faço o que gosto
E aquilo que creio
Se alguém não quiser entender
E falar, pois que fale
Eu não vou me importar com a maldade de quem nada sabe
E se alguém interessa saber
Sou bem feliz assim
Muito mais do que quem já falou ou vai falar de mim

Se alguém não quiser entender
E falar, pois que fale
Eu não vou me importar com a maldade de quem nada sabe
E se alguém interessa saber
Sou bem feliz assim
Muito mais do que quem vai falar ou já falou de mim
.
.
.

2 comentários:

Heloise disse...

Oi, Martoni
Que legal o post! A minissérie sobre Maysa está espetacular. Certamente sairá em DVD, mas se você quiser acompanhar pelo YouTube, veja esta página:
http://br.youtube.com/user/stepppenwolf
Sobre o link, desculpe a demora da resposta, mas claro que você pode colocar.
Abraços.

Jadson disse...

excelente post, ontinuem com o trabalho